quarta-feira, 4 de março de 2009

ANTES DO DILÚVIO

E como foi nos dias de Noé, assim será também a vinda do Filho do Homem. Mateus, 24:37
Antes do dilúvio "Nem todos os homens daquela geração estavam incluídos no sentido completo do termo 'pagãos idólatras'. Muitos tinham conhecimento de Deus e de Sua lei, mas não apenas rejeitaram a mensagem do fiel pregoeiro da justiça, como também usaram sua influência para impedir que outros fossem obedientes a Deus. Toda pessoa tem o seu dia de prova e lealdade. Aquela geração tivera o seu dia de oportunidade e privilégio, enquanto Noé anunciava a mensagem de advertência sobre a destruição vindoura; eles, porém, renderam a mente ao controle de Satanás, e não a Deus, e ele os enganou, como fez com nossos primeiros pais. Colocou diante deles trevas e falsidade no lugar da luz e da verdade; e eles aceitaram os seus sofismas e mentiras, porque isto lhes era aceitável, e estava em harmonia com sua vida corrupta, ao passo que a verdade que os teria salvo foi rejeitada como se fosse uma ilusão Ellen White, E Recebereis Poder, p. 254. Quando diz em S. Mateus, 24:37 " E, como foi nos dias de Noé, assim será também a vinda do Filho do Homem”, Jesus pretende nos alertar para o que está acontecendo nos dias de hoje. Quer chamar nossa atenção para os acontecimentos que precederia a chegada do salvador para buscar os seus escolhidos,
Exatamente como naqueles dias anteriores ao dilúvio, hoje muitos conhecem a lei de Deus, mas a rejeitam apenas para satisfazer seus desejos egoístas de lucros. Como estamos assistindo tantos lideres com grande poder de persuasão usando este poder para levar pessoas boas e bem intencionadas, e porque não dizer confiantes no poder de Deus, há transgredir a lei do Pai, apenas para satisfazer seus desejos egoístas. Muitos outros que já estiveram do lado de Deus e sua lei, à deixaram, só para ter fama e poder....”Tiago 1:17 Toda boa dádiva e todo dom perfeito vêm do alto, descendo do Pai das luzes, em quem não há mudança, nem sombra de variação”. Como podemos imaginar que em algum momento na história deste mundo, Deus tenha autorizado homens a mudar aquilo que ele fez, não através das palavras do profeta, mas através de suas próprias palavras. Ou melhor com seu próprio dedo “Deuteronômio.9 :10 - E o SENHOR me deu as duas tábuas de pedra, escritas com o dedo de Deus” “Êxodo 31:18 E deu a Moisés (quando acabou de falar com ele no monte Sinai) as duas tábuas do Testemunho, tábuas de pedra, escritas pelo dedo de Deu” Se em Deus não há mudança nem sombra de variação! Conforme o texto de Tiago acima. Como pode ele ter escrito o quarto mandamento com seu próprio dedo e depois mudar?, neste caso o mandamento que substituiu o quarto mandamento ou outro qualquer, tem por lógica também que ser escrito com o dedo de Deus, isto está bem claro!. Eu pergunto, isto aconteceu? A mudança do sábado para o domingo.... foi assim?.

Pense nisto!!!!!!

Fonte de pesquisa
E Recebereis Poder, p. 254.