quarta-feira, 21 de março de 2007

Mensagens sobre Escola Sabatina.:

Nossas Escolas Sabatinas não são nada menos que sociedades bíblicas, e no santo trabalho de ensinar as verdades da Palavra de Deus, podem realizar muito mais do que até o presente. A Escola Sabatina, quando bem dirigida,possui maravilhoso poder e se destina a realizar uma grande obra, mas presentemente não é o que deveria ser. A influência que provém da Escola Sabatina deve melhorar e engrandecer a igreja; mas em caso algum jamais se deve permitir que ela se desvie dos interesses da igreja. Há, na Escola Sabatina, um precioso campo missionário, e se agora há sinais que fazem prever o bem, são eles apenas indicações e começo do que pode ser feito. Testimonies on Sabbath School Work, pág. 29 e Conselhos Sobre a Escola Sabatina, pá 9 O estudante da Escola Sabatina deve sentir tão integral fervor para tornar-se inteligente no conhecimento das Escrituras como em destacar-se no estudo das ciências. Se um deve ser negligenciado, sejam as lições dos seis dias. A exortação de nosso Salvador deve ser religiosamente considerada por todo homem, mulher e criança que professa Seu nome. Conselhos Sobre a Escola Sabatina, pág. 18. Como um meio de ensino intelectual, as oportunidades do sábado são incalculáveis. Que se aprenda a lição da Escola Sabatina, não olhando rapidamente ao texto da mesma no sábado de manhã, mas estudando cuidadosamente para a próxima semana, no sábado à tarde, com recapitulação diária ou ilustração durante a semana. Assim a lição se fixará na memória, como um tesouro que jamais se perderá completamente. Educação, págs. 251 e 252.
Há muitas crianças que alegam falta de tempo como razão para não estudar as lições da Escola Sabatina, mas existem poucas que não achariam tempo para esse estudo, se por ele se interessassem. Algumas dedicam tempo a entretenimentos e passeios; outras, a desnecessários adornos de vestidos,cultivando assim o orgulho e a vaidade. Pertencem a Deus as preciosas horas prodigamente gastas, pelas quais terão de prestar-Lhe contas. As horas gastas em ornamentação desnecessária, em diversões e ociosa conversação,serão trazidas a juízo juntamente com toda obra. Testimonies on Sabbath School Work, pág. 8 e Conselhos Sobre a Escola Sabatina, pág. 56.
Quando todos os que professam ser cristãos o forem em obra e verdade, a Escola Sabatina não será mais um serviço enfadonho. Os professores compreenderão a lição dada por Cristo a Nicodemos, ensinando-a em toda a sua importante influência sobre o destino humano. Jesus declarou ao mestre de Israel: "Na verdade, na verdade te digo que aquele que não nascer de novo,não pode ver o Reino de Deus." João 3:3. A não ser que o homem nasça de novo, nunca poderá compreender o caráter do reino celestial nem discernir-lhe a natureza espiritual. Conselhos Sobre a Escola Sabatina, pág. 64.
Há necessidade de apresentar à juventude a verdadeira religião, que se provará um poder vital, uma influência que tudo penetra. De uma íntima devoção,surgirão alegria, vivacidade e contínuo crescimento e é essa a religião que a juventude deve contemplar, se deve ser levada a Cristo. Essa espécie de religião deixará nas pessoas seu divino cunho e, pela refrigerante graça de Deus, o que a possui se renovará tanto mental como fisicamente. Experimentai durante um ano, educadores e professores de nossas Escolas Sabatinas e diárias, e vede se não sois capazes de dizer: "O Senhor operou maravilhosamente em nosso favor, pois muitas pessoas foram trazidas para o Mestre, como preciosos molhos para o celeiro celestial." Testimonies on Sabbath School Work, págs. 44 e 45 e Conselhos Sobre a Escola Sabatina,págs. 95 e 96.
Se os professores sempre tivessem em mente que é o Espírito Santo que revela as pessoa vislumbres das coisas celestiais e que, ao trabalhar no espírito de Cristo, esse agente celestial está impressionando a mente com a divina verdade; se compreendessem que os rodeiam anjos e que pisam em terra santa, seria muito mais eficiente o trabalho feito em nossas Escolas Sabatinas. Os professores não seriam destituídos de graça e poder espirituais, pois teriam a intuição da presença divina e compreenderiam que são apenas os instrumentos humanos por cujo intermédio Cristo comunica luz celestial. Seu labor seria animado de fervor e poder, e saberiam que o Espírito os ajuda em suas fraquezas. Testimonies on Sabbath School Work, págs. 41-43 e Conselhos Sobre a Escola Sabatina, pág. 105.

Alvanílio Chaves