sexta-feira, 20 de novembro de 2009

MEDITAÇÃO

SALMO, 139 - O salmista representa a presença do Infinito como permeando o Universo. "Se subir ao Céu, Tu aí estás; se fizer no abismo a minha cama, eis que Tu ali estás também". Não podemos nunca encontrar uma solidão em que Deus não Se ache presente. SDA Bible Commentary, vol. 3, págs. 1.153 e 1.154.

Para onde me irei do teu Espírito ou para onde fugirei da tua face?
Se subir ao céu, tu aí estás;

Se fizer a minha cama no abismo,
eis que tu ali estás também;
Se tomar as asas da alva, se habitar nas extremidades do mar,
Até ali a tua mão me guiará e a tua destra me susterá.
.
O Senhor Deus onipotente, que reina nos Céus, declara: "Eu estou convosco." Ele assegura a Seu povo que os que são obedientes se acham em condições de Ele os poder abençoar, para glória de Seu nome, Ele será auxílio bem presente a todos os que o servem a ele próprio....

O cuidado do Senhor envolve todas as Suas criaturas. Ele as ama a todas, e não faz diferença, a não ser que tem a mais terna piedade para com os que são chamados a suportar os mais pesados fardos da vida. Os filhos de Deus devem enfrentar provas e dificuldades. Mas devem aceitar sua sorte com um espírito animoso, lembrando-se de que por tudo que o mundo lhes negligencia dar, o próprio Deus os indenizará com os melhores favores.
É quando chegamos a circunstâncias difíceis que Ele revela Seu poder e sabedoria em resposta à humilde oração. Nele confiai como um Deus que ouve e responde à oração. Ele Se vos revelará como Alguém capaz de socorrer em todas as emergências. Aquele que criou o homem, que lhe deu suas maravilhosas faculdades físicas, mentais e espirituais, não recusará aquilo que é necessário para manter a vida por Ele dada. Aquele que nos deu Sua Palavra - as folhas da árvore da vida - não reterá de nós o conhecimento da maneira de prover alimento a Seus necessitados filhos. A Ciência do Bom Viver, pág. 199.
.
Alguns estão sempre a ver antecipadamente o mal, ou a aumentar as dificuldades que realmente existem, de modo que seus olhos ficam cegos às muitas bênçãos que lhes reclamam gratidão. Os obstáculos que encontram em vez de os levar a buscar auxílio de Deus, a única Fonte de força, separam-nos dEle, porque despertam inquietação e descontentamento.

Aquele que mais profundamente estudar os mistérios da natureza, mais plenamente se
compenetrará de sua própria ignorância e fraqueza. Compreenderá que existem profundidades e alturas que não poderá atingir, segredos que não poderá penetrar, e vastos campos de verdades jazendo diante de si, não penetrados. Dispor-se-á a dizer com Newton: "Pareço-me com a criança na praia, procurando seixos e conchas, enquanto o grande oceano da verdade jaz por descobrir diante de mim."
Os mais profundos estudantes da ciência são constrangidos a reconhecer na natureza a operação de um poder infinito. Ora, para a razão humana, destituída de auxílio, o ensino da natureza não poderá deixar de ser senão contraditório e enganador. Unicamente à luz da revelação poderá ele ser interpretado corretamente. "Pela fé, entendemos....


"Em todo trabalho há proveito, mas a palavra dos lábios só encaminha para a pobreza." Prov. 14:23.