segunda-feira, 8 de dezembro de 2008

UM JESUS HUMANO


Homens da Galiléia, por que vocês estão aí olhando para o céu? Esse Jesus que estava com vocês e que foi levado para o céu voltará do mesmo modo que vocês o viram subir. Atos, 1 : 11

Cristo ascendera ao céu na forma humana. os discípulos viram a nuvem recebê-lo. o mesmo Jesus que andara, e falara e orara com eles; aquele que partira com eles o pão; que com eles estivera nos botes, no lago; e que fizeram com eles, naquele mesmo dia, a penosa subida do olivete - o mesmo Jesus fora agora para partilhar do trono do pai. E os anjos lhes asseguraram que Aquele mesmo que viram subir ao Céu, voltaria outra vez assim como subira. Virá "com as nuvens, e todo o olho O verá". Apoc. 1:7. "Porque o mesmo Senhor descerá do Céu com alarido, e com voz de arcanjo, e com a trombeta de Deus; e os que morreram em Cristo ressuscitarão." I Tess. 4:16. "Quando o Filho do homem vier em Sua glória, e todos os santos anjos com Ele, então Se assentará no trono da Sua glória." Mat. 25:31. Então se cumprirá a promessa do próprio Senhor aos discípulos. "Se Eu for, e vos preparar lugar, virei outra vez, e vos levarei para Mim mesmo, para que onde Eu estiver estejais vós também." João 14:3. Bem se podiam os discípulos regozijar na esperança da vinda do Senhor.

Quando Cristo Se ajoelhou às margens do Jordão, após o batismo, os Céus se abriram, e o Espírito desceu na forma de uma pomba, semelhante a ouro polido, e cercou-O com Sua glória; e a voz de Deus foi ouvida, das alturas dos céus, dizendo: "Tu és o Meu Filho amado, em quem Me comprazo." Mar. 1:11. A oração de Jesus, em favor do homem, abriu as portas do Céu, e o Pai respondeu, aceitando a petição em benefício da raça caída. Jesus orou como nosso substituto e fiador, e agora a família humana pode ter acesso ao Pai pelos méritos de Seu amado Filho. ... Jesus é "o caminho, e a verdade, e a vida". João 14:6. Os portões do Céu foram deixados abertos, e o fulgor do trono de Deus brilha no coração daqueles que O amam, mesmo que habitem nesta Terra amaldiçoada pelo pecado.

Por longo tempo, Jesus morou em Nazaré, sem honra e desconhecido, para poder ensinar aos homens como viver perto de Deus no desempenho dos mais humildes deveres da vida. Para os anjos, era um mistério que Cristo, a Majestade do Céu, condescendesse não somente em levar sobre Si a forma humana, mas em assumir os seus mais pesados encargos e mais humilhantes ofícios. Isso Ele o fez para Se assemelhar a qualquer um de nós, para Se poder familiarizar com os pesados labores, as tristezas e a fadiga dos filhos dos homens.

Enquanto os discípulos continuam a olhar para cima ouvem, qual música maviosa, vozes que se lhes dirigem. Voltam-se e vêem dois anjos em forma humana, os quais lhes falam, dizendo: "Varões Galileu, por que estais olhando para o céu? Esse Jesus, que dentre vós foi recebido em cima no Céu, há de vir assim como para o Céu O vistes ir." Atos 1:11.
Esses anjos eram do grupo que estivera esperando numa nuvem brilhante, para acompanhar Jesus à morada celestial. Os mais exaltados, dentre a multidão Angélica, eram os dois que foram ao sepulcro na ressurreição de Cristo e com Ele estiveram durante Sua vida na Terra. Cristo foi levado ao Céu numa nuvem composta de anjos viventes. Enquanto o séqüito de anjos O recebia, dEle lhes vieram as palavras [aos discípulos]: "Eis que Eu estou convosco todos os dias, até à consumação dos séculos." Mat. 28:20.

CRISTO FOI ENVIADO AO MUNDO PARA DESMENTIR A FALSIDADE DE SATANÁS, DE QUE DEUS FIZERA UMA LEI QUE O HOMEM NÃO PODIA GUARDAR. ASSUMINDO A FORMA HUMANA, ELE VEIO À TERRA E, POR UMA VIDA DE OBEDIÊNCIA, MOSTROU QUE DEUS FIZERA UMA LEI QUE O HOMEM PODIA GUARDAR. MOSTROU QUE É POSSÍVEL AO HOMEM OBEDECER PERFEITAMENTE A LEI. AQUELES QUE ACEITAM CRISTO COMO SEU SALVADOR, TORNAM-SE PARTICIPANTES DE SUA NATUREZA DIVINA E CAPACITADOS A SEGUIR SEU EXEMPLO, VIVENDO EM OBEDIÊNCIA A TODOS OS PRECEITOS DA LEI. PELOS MÉRITOS DE CRISTO, O HOMEM DEVE MOSTRAR PELA OBEDIÊNCIA QUE PODIA ESTAR NO CÉU E NÃO SE REBELARIA.

Fontes de Pesquisas
Desejado de Todas Nações, 832
Minha Maravilhosa Graça, 81
Orientação da Criança, 346
O Desejado de Todas as Nações, págs. 831 e 832.
Atos dos Apóstolos, pág. 65.
Verdade Sobre os Anjos, 221
Fé pela Qual Eu Vivo, 114